CINQUENTA ANOS

Há quarenta anos, vivo imaginando o viver. Ainda não construi a imagem ideal, creio que em mais quarenta anos ainda não terei conseguido.

sexta-feira, 27 de agosto de 2010

Malabarismos (miniconto)


Ouviram um estalo, o chicote de Zé do Bode riscando o ar, depois um berro se seguiu - Fidumaégua!Era pra acertar o cigarro!